sexta-feira, 4 de abril de 2008

Relato de uma aluna

Tudo começa com ofensas, palavras, que nos magoam, até que tudo ultrapassa os limites. Batem, agridem, roubam, excluem, chegam até a ameaçar-te na tua casa. Tudo isto é horrível. Falo pela minha experiência. Fui vítima de Bullying. Ando no 9º ano e mesmo assim não me escapo. Até colegas da mesma turma. Conto-lhe isto para ver que não vale a pena sofrer em silêncio, muito pelo contrário. Agrediam-me durante as aulas (iam de puxões de cabelos, a chapadas, etc.). Mas superei esta experiência, pois já no 5º ano tinha sido vítima de Bullying. Tudo começou numa aula em que uma professora, teve de ir buscar umas fichas ao seu cacifo e nesse dia disse: "Hoje ocupem os lugares que quiserem", mas houve um problema e um colega meu sentou-se no meu lugar e eu disse: "Aí é o meu lugar". Essa pessoa partiu logo para a agressão verbal, fazendo troça com a minha aparência física. Fui seguida, fui rejeitada, fui acusada de ser mentirosa, por dizer verdades. Até que chegou ao ponto que me foram ameaçar a casa. Tive que aguentar esta situação até o fim do ano lectivo. Até que depois de muito batalhar, e até ter sido enviada para o hospital, com uma crise de nervos, confundida com uma apendicite, consegui mudar de turma. Ultrapassei tudo com a ajuda dos meus pais, e da minha família. Por denunciar a minha situação, foi tudo resolvido mais rapidamente, e se possível com castigo, para o bullie.
É por isso que eu aconselho, a que todas as pessoas vítimas de bullying desabafem, tudo aquilo que lhes acontece. E aos pais e encarregados de educação, que tenham atenção ao comportamento dos seu filhos ou educandos, pois muitas vítimas sofrem em silêncio, mas isso manifesta-se no seu comportamento, por exemplo, se o seu filho, for um aluno de boas notas e de repente, diminui-las; Se ele de noite tem pesadelos em que grite "SOCORRO", "NÃO ME BATAM", "LARGUEM-ME"; e muitas outras situações, "investigue", pois muitas das vezes, podem ser as típicas vítimas de bullying que sofrem em silêncio.

43 comentários:

Anónimo disse...

Gostei do Blog. é uma ideia interessante. Continuem com essas ideias, assim conseguirão ir longe.Boa Sorte. Gostaria que este projecto tivesse continuação no outro ano lectivo. PARABÉNS

Anónimo disse...

gostei muito do teu relato. concordo contigo e acho que os bullies são pessoas fracas interiormente ( problemas mentais)e que para não demonstrarem insegurança decide que tem de inferiorizar os outros!!! são uns autênticos covardes...
eu nunca fui vitima de tal covardia mas conheço pessoas que foram e que ainda agora se sentem bastante mal por na altura se terem deixado rebaixar!!
aconselho todos a pedirem ajuda...sofrer em silencio não é bom...

Anónimo disse...

acabou de passar na rtp1

Fabio Andre disse...

eu acabei de ver a rtp1

Anónimo disse...

Tenho um amigo meu que tambem sofre com o bulling e sei que para ele é muito dificil lidar com a situação,por isso acho que este blog é uma grande ajuda para quem sofre bulling,continuem com este grande trabalho!!

Anónimo disse...

Muitos parabéns pela iniciativa e coragem em denunciares e tornares pública a tua experiência. Como li num dos comentários e concordo plenamente, realmente os bullies são pessoas mesmo muito fracas interiormente.
Parabéns novamente!

Anónimo disse...

Qualquer iniciativa que vise combater a violência gratuita sobre os mais fracos é de louvar. Esta em particular ainda mais, já que parte de uma vítima dessa mesma violência.

Sem de modo algum querer menosprezar o que desenvolveram no Vosso projecto, antes pelo contrário, tenho é pena que uma iniciativa como esta tenha de partir de alunos, adolescentes e cidadãos comuns, e não do próprio Estado e do Sistema de Justiça, como responsáveis máximos da gestão do país e da justiça.Sem querer criticar, penso que esta iniciativa deverá ser olhada seriamente e deverá dar origem a projectos do mesmo tipo por parte das entidades competentes que minimizem ou eliminem as ocorrências deste tipo, de modo a que as pessoas não julguem que podem fazer tudo o que querem e sair impunes.

Joana M.B disse...

Olá menina coragem! Ao ler a tua história parei no meu tempo e voltei ao meu 5º.ano, ano lectivo 1997/1998. Entrada num novo ciclo da minha vida. Tudo era perfeito, senão, que já na altura o actual Bullying, acontecia... sempre aconteceu. O despertar de consciência constantou isso há muito pouco tempo em Portugal, pelo menos a Comunicação Social despertou.
Voltando a mim, as agressões constantes com expressões, comentários desagradáveis a minha aparência física foram uma realidade nesse ano. O choro, o medo, existiram. Eis que dentro de nós há muito mais do que podemos imaginar até descobrir que podemos fazer frente a esse tipo de situações, desagradáveis. Comecei a gostar mais de mim, pouco importava se pesava um pouco mais, se usa óculos, eu gostava de mim. E é isso que tu menina coragem nunca em situação alguma podes deixar de sentir. Tens sim uma grande função dinamizadora á tua frente! Denúnciar foi o começo, a divulgação já foi feita... mas tens de consiencializar os teus amigos, colegas, auxiliares de educação, professores e acima de tudo o vosso meio que o Bullying é uma realidade e que todos nos temos que a combater.
A ti, desejo-te que a vida seja muito colorida, não deixes de fazer nada porque alguém te agrediu verbalmente... uma boa maneira de os encarares é a tua postura sê tu mesma, cabeça erguida porque tu nâo tens problema algum! Mais, ainda bem que somos todos diferentes =)
Para finalizar, parabéns a todos por este blogg ( ao menino que disse que tinha sido obrigado a faze-lo, foi importante e de certeza que ele se sente bem por ter ajudado a divulgar)
Felicidades, aproveitem a escola como um meio de crescerem mais saudaveis e não para maltrar ninguém!

Anónimo disse...

vim de africa ha 2 anos! todos me chamam preto quando sou castanho! serei vitima d bullying?

deixem mas é de ser maricas e s vos chamam gordos reparem nos defeitos dos outros e gozem com eles tambem!

é isso e culparem a miuda a kem a professora roubou o telemovel!em vez da prof a mandar pra rua vem-se fazer de coitadinha...tal como os gordos e os pretos k nao querem quem lhes chamem o que sao! assim como chamar branco a um branco ou magro a um magro ou seja o que for a quem é nao devia ser problema!

JoVenS: O aLVo e A SeTa disse...

olá! tomei conhecimento do vosso bog atraves da reportagem da rtp1.
Sou do 12ºano e também tal como voces tenho área de projecto, no qual o meu grupo aborda igualmente o Bullying; também abordados outros temas relativos aos jovens como a pedofilia, o rapto, a delinquencia juvenil e ainda os jovens e a noite! Visitem o nosso blog:
jovensoalvoeaseta.blogspot.com

Continuem com o vosso trabalho!

JR disse...

Força!! Gostei da coragem que tives-te..já agora és muito bonita! Parabêns pela iniciativa.

Rui Leão
Local: A dos Bispos

R F disse...

É urgente criar uma escola segura para todos, alunos e professores. O respeito pelas diferenças individuais é aquilo que também caracteriza a sociedade civilizada.
Devemos incutir nos jovens o espirito competitivo a nível intelectual e banir de vez a agressão verbal e física.
Parabéns pelo blog.

Anónimo disse...

Na linha 9, a contar do fim, há um erro gramatical, visto que se diz "acontece" e não "acontecem"...
Obrigado pela atenção..
Não gostei nem da música nem do beat na televisão e descredibilizou completamente a reportagem...
Ah e não sejam bazofs nem brenhos que fica mal pah...

Anónimo disse...

Olá! Eu vi a reportagem na RTP e tive a curiosidade de vir visitar este blog. Gostei muito desta ideia. Existem mais casos de Bullying do que alguma vez se pode imaginar.. eu própria já fui vitima de bullying, apesar de "calmo". Boa sorte com este projecto.

Anónimo disse...

Olá! Eu ao ver este blog decidi comentar. Mas deparo me com um comentário de alguem anonimo que me deixou completamente preplexa a olhar para o computador! Lá por terem gozado com essa pessoa por causa da sua cor de pele não quer dizer que tenham de fazer o mesmo às outras pessoas! Isso não é soluçao! Isso só demonstra uma falta de caracter dessa pessoa. Enfim comentários à parte gostei muito do blog. Continuem! Parabéns!

João Feliciano disse...

Em primeiro lugar deixem-me dar-vos os meus mais sinceros Parabéns pela iniciativa. À aluna que contou a sua história, só uma mensagem, acredito que não terá sido fácil dar a cara e contar a tua história, foi de Mulher! De certeza que muitos mais vão ser capazes de seguir o teu exemplo e denunciar situações como a que descreveste. Desejo-te a ti e a toda a tua turma o melhor para os vossos futuros, espero que consigam atingir os vossos objectivos!
Um grande abraço deste amigo,
João Feliciano

Anónimo disse...

Muitos parabéns pela coragem que tivestes.
Ultrapassas-te a situação de uma forma muito inteligente.
Eu no 5º ano, também tive algumas complicação com umas raparigas mais velhas, pois estas gozavam comigo. Denunciei o caso à minha directora de turma e tudo ficou resolvido
Hoje passo por essas raparigas e elas não me dizem nada.
Na minha opinião a ideia do blog é muito interessante e útil, pois tenho a certeza que irá ajudar muitas pessoas que sofrem de bullying.

Anónimo disse...

olaa...

gostei do blog...
tive uma amiga que era vitima de bullying e sei que era dificil para ela, mas sao ideias como estas que fazem com que o mundo mude para melhor*

continuem com este tipo de ideias*

Compadre Alentejano disse...

Os meus parabéns pela coragem que tiveste em fazer esta denúncia, e este blog vai ser muito útil aos alunos de todas as escolas, que queiram denunciar os seus casos de bullying.
Vou colocar o V/Link no meu blog PAPA AÇORDAS em
www.papaacordas.blogspot.com
Força e coragem.
Compadre Alentejano

dread MDF disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
boralá disse...

muito bem! é preciso que mais pessoas contem as suas histórias... um dia, tb os professores terão coragem para contar as suas...

Anónimo disse...

Parabens,
Fui vitima de bullying, quando contei o meu problema ao conselho executivo todos tiveram muita pena, mas ficou pela pena. PORQUÊ?
enfiar a cabeça na areia. Os Bulie são uma especie PROTEGIDA?
FORÇA. Divulgem noutros canais TV.

Anónimo disse...

Parabéns!
E preciso ter muita coragem, nem toda a gente tinha coragem para fazer isso.
Eu estou a fazer um trabalho sobre "Bulliyng", custa-me só de pensar que à algumas pessoas a serem gozadas constantemente, à alturas que chegam até a ser amiaçadas.
Continuem com este trabalho pode ser que ajude alguem a ganhar coragem para denunciar o caso.

Parabéns adorei o blog.

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Anónimo disse...

Olá eu sou a Vanessa, tenho 15 anos e moro na baixa da Banheira, tenho duas irmãs gémeas mais novas, com 9 anos.
Gostei da ideia do bullying, do projecto, eu também sofri de bullying há 3 anos, quando eu estava no meu 6º ano.
Eles Batiam-me, agrediam-me, roubavam-me, excluiam-me, chegavam até ir a minha casa fazer banzé.
A minha história é muito idêntica á tua menina coragem!
Gostei de ver-vos na Tv.
P.S.: Acho que estás no bom caminho, mas um pouco mais avançada para a tua idade, não queiras saber a mais!

Anónimo disse...

Gostaria de uma resposta, aqui mesmo por favor.

Vanessa,Baixa da banheira, 15 anos

Campanha Sem Bullying disse...

Vanessa, se quizerers podes enviar-nos a tua história para o nosso mail: s.bullying@hotmail.com

Estamos á espera

CSB

Bernabemodelismo disse...

O meu filho sofre de bullying e não sei o que mais posso fazer para ajuda-lo.
Como mãe não sei como poderei protege-lo

filipa disse...

Olha tens toda a razão .
o teu blog esta muito fixe , se somos vitimas de bolliyng teremos mesmo de dezabafar com alguem de tenhamos muita confiança.

marlene disse...

gostei muito do teu blog ta muito fixe e acho que fixeste bem ter dito aos teus pais tas de parabéns

Matheus disse...

Gostei desse texto achei mto inteessante =)

Anónimo disse...

gostei do relato

eu vou

publica ele

la na escola

el......... disse...

Também passo por isso desde pequena sempre fui o patinho feio da turma. Por me vestir simples as outras garotas me criticavam bastante!

Eldiane disse...

Também passo por isso desde pequens, sempre fui o patinho feio da turma.Por me vestir muito simples as outras garotas filhas de papaizinho me criticam bastante!

ELDIANE disse...

PARABÉNS A QUEM TEM CORAGEM DE PUBLICAR ESSE TIPO DE COISA. E Ñ DEIXAR EM PUNE!

ELDIANE disse...

COMENTÁRIO ÓTIMO PARA DAR CORAGEM A QUEM SOFRE DISSO EM SILÊNCIO!
NÃO SEJAM MEDROSOS CRIEM CORAGEM E DENUNCIEM!!!
PALAVRAS DE APOIO!

Anónimo disse...

É verdade isso é uma coisa muito feia,não sabemos o que o futuro revela para nos por isso não devemos humilhar,xingar,excluí,ou bater.Para as pessoas que fazem isso é falta de uma boa educação ou fazem isso porque os pais não dão a atenção que merece ,e principalmente não tem o que fazer.bjus você esta de parabéns por superar tudo isso e mostrar que você é realmente capaz de superar e hoje vc é o que é.

Anónimo disse...

Muitoo legal esse Blog gostei Muito da historia , entei nesse Blog Pois Estamos Fazendo Uma Pesquiza Na Minha Escola Sobre O Assunto,Eu Nunca Sofri Bullying é Tenho Muita Pena De Quem Sofre, Tem Gente Qui Não Dá Para Perceber Pois Muitos Sofrem Em Silencio.

Adoreii o Blog BjÔoo

Anónimo disse...

ola minha amiga estava fazendo um trabralho sobre bullyng ai ela fez o trabalho com o seu blog ai ela me recomendou vizitar aqui li e gostei sua historia esse e um exemplo de pessoas legais como vc

Jéssica Caroline disse...

Olá meu nome é Jéssica,
a pouco tempo venho sofrendo Bullying na sala minha e amanhaestou decidida de procurar a diretora e contar tudo! Muito bom esse blog

joseane disse...

bom,p/ mim qm pratica o bulling sao pessoas fracas por dentro sem carater q precisam aprender com a vida.por causa dessas brincadeiras bestas dles muuitos acabam se revoltando e podem ate matar.

Anónimo disse...

GOSTEI MUITO DA SUA HISTÓRIA,POIS ISSO ACONTECE MUITO POR AI PRINCIPALMENTE NAS ESCOLAS,E NOLOCAL DE TRABALHO E ISTO NAO PODE FICAR GUARDADO.

Anónimo disse...

Eu sou o mais forte na minha sala de aula mas tbm sou o mais gordo tenho dois amigos da onça , só eles mesmo sou ruin de bola não corro nada e por isso varias veses fico escluido sento na segunda carteira na minha frente tem un dos amigos da onça ele é baixo e mais fraco q eu mas ele é o segundo mais forte da sala , ele não aguenta desaforo todomundo respeita ele e ele fica me provocando . Nunca briguei com ele eu seu q eu bato . as vezes ele me da socos eu pego e desconto ele desconta dinovo , não sei oq fazer e as minhas notas estão caindo totalmente . Não disse mas eu tbm pratico bullyng eu acho q pra descontar a raiva eu já estou parando estou desposto a mudar me ajude .